Impessoal e Transmissível

Humor e devaneios pessoais

“Gostastes”

livro_65.jpg

Ora aqui está um livro de consumo rápido e interessante e que nos proporciona bons momentos de humor. O seu autor é João   Viegas. Criativo publicitário e um homem da rádio.

“Gostastes” é uma compilação de vários pequenos contos que retratam a realidade nacional e internacional de uma forma satírica, crítica e inteligente. Vou deixar aqui alguns exemplos:

“Bibi, Lili, Bibá, Tété, Isaurinha, Kapinha, Nuxa, Mituxa, Cinha, Pimpinha, Nico, Mico, Deco, Féfé… Digam-me lá se isto não é mesmo o Portugal dos pequeninos?”

“Foi feito um baralho de cartas, Com as caras dos principais agentes dizem eles, do terrorismo internacional. Os ases sem trocadilho, dos atentados, das bombas e das encomendas armadilhadas, os reis sem gota de sangue azul, dos sequestros, desvios de aviões e ataques suicidas. Damas e Valetes, dez, noves, oitos, seis, cinco e quatros. E por aí fora. Até aos elementos menos perigosos. Um árabe que atirou um tijolo à janela do vizinho. Dois iraquianos que roubaram a caixa das esmolas numa sinagoga em Paris. Uma turca que andou de metropolitano sem pagar bilhete. Todas as noites o mega presidente olha a cara dos capturados e murmura entre dentes: “Damn it, só me saem é duques!”

Os apresentadores dos concursos de televisão adoram mostrar que sabem as respostas às perguntas que fazem. Uns são do estilo: “Esta é facíl, facílima.” E logo: “Quantos quadros pintou Picasso durante o período cubista?”
Outros são do tipo paizinho: “Então não sabia esta? Claro que era o Nabucodonosor… Mau, mau.”
Mas os piores são os que se engasgam logo na pergunta: “Qual a especialização de um Orto… Otoringo… Otorinolargo.. perdão…” Para depois concluírem: “o quê não sabe?!”

Anúncios

Junho 27, 2007 - Posted by | Leituras SA

7 comentários »

  1. Parece ser uma “deliciazinha”.
    Logo que possa vou tentar por-lhe os olhos em cima.

    Comentar por Rui | Junho 27, 2007 | Responder

  2. E o Malato insere-se em que grupo?

    Comentar por zetrolha | Junho 27, 2007 | Responder

  3. Ahahahah, muito bom! 🙂

    Comentar por djamb | Junho 28, 2007 | Responder

  4. Zezinho, meu trolhinha, o Malato insere-se me qualquer grupo, desde que haja um falo farto que lhe proporcione momentos de infindável loucura/ prazer.
    Mas, relativamente ao livro, parece-me uma preciosidade para atrasados mentais (conto comigo) que se regozijam com o desprezo pelas coisinhas mediocres deste país e arredores.
    Fica bem Silviazinha. Vês que carinhoso estou hoje.

    Comentar por Paulo Ribeiro | Junho 28, 2007 | Responder

  5. Com essa do Silviazinha é que deitaste tudo abaixo… um professor que eu odiava chamava-me isso, mas pronto como és tu eu perdoo tudo, meu querido atrasado mental 🙂 lololol, beijo

    Comentar por sa | Junho 28, 2007 | Responder

  6. Obrigadinha pela sugestão… mais um para ler nas férias (se as ressacas assim o permitirem).

    Comentar por Tia Cremilde | Junho 28, 2007 | Responder

  7. Excelente dica para uma leitura divertida 🙂

    Comentar por mentacutilante | Julho 2, 2007 | Responder


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: